Muito cruel: Homem vestido de dedetizador espera idosa em elevador e a queima viva

Muito cruel: Homem vestido de dedetizador espera idosa em elevador e a queima viva

O brutal ataque durou aproximadamente um minuto e foi gravado por duas câmeras.

O agressor, vestido de dedetizador, esperou-a no elevador de seu prédio em Nova York, encharcou-a com um líquido inflamável e ateou fogo. O homem se entregou.

O brutal ataque durou aproximadamente um minuto e foi gravado por duas câmeras de segurança, incluindo uma que se encontrava dentro do elevador. Um homem que cheirava a gasolina compareceu em uma delegacia e confessou ter cometido o crime.

O desconhecido aguardava, no sábado, Doris Gillespie, de 64 anos, quando as portas do elevador abriram no quinto andar do edifício de Prospect Heights, Brooklyn.

“É óbvio que ele sabia que a idosa se encontrava no elevador”, disse Paul Browne, porta-voz da polícia. A vítima, que estava carregando sacolas do supermercado, deu meia volta e se agachou para tentar se proteger.

Mas o homem despejou o líquido em seu rosto e no corpo. Depois, pegou um isqueiro, acendeu um pano numa garrafa e esperou alguns segundos antes de usá-lo contra a mulher, que não sobreviveu. Os vizinhos chamaram os bombeiros, sem saber que a mulher, ainda viva, estava queimando no elevador.

Depois, os moradores foram evacuados, para permitir o trabalho dos peritos. A polícia, que publicou as fotos do então fugitivo, não comentou sobre o motivo do ataque e informou que suspeita que o sujeito tenha fugido pelas escadarias do edifício.

Fonte: http://planetwtf.info