Índia bloqueia mais de 850 sites pornô para defender 'decência'

A justificativa foi a de defender a "moralidade e a decência"

A Índia é conhecida como a maior democracia do mundo, mas acaba de se mostrar não tão democrática assim. Com a justificativa de defender a "moralidade e a decência", 857 sites pornográficos começaram a ser bloqueados ainda no final de semana.

O governo associa o pornô aos crimes sexuais e acredita que a proibição pode impedir que crianças tenham acesso a materiais pornográficos. Outra versão é de que a proibição atinge sites suspeitos de espalharem pornografia infantil.

Com a divulgação da notícia, a hashtag #PornBan acabou se espalhando rapidamente pelo Twitter. A proibição acontece um mês depois do Supremo Tribunal do país recusar o bloqueio baseado na explicação de que ela ajudaria a conter crimes sexuais. O tribunal reforçou que cabe às pessoas serem livres para acessarem os sites.


Image title


Fonte: Com informações do Brasil Post