Kate vai a fábrica de turbinas e mostra o muque em Cingapura

É o segundo dia da visita; eles visitaram fábrica da Rolls-Royce e jardins.

O príncipe William da Inglaterra e sua esposa Kate Middleton visitaram nesta quarta-feira (12) a fábrica da Rolls-Royce em Cingapura e locais emblemáticos do enclave que fez parte do Império britânico e que atualmente é o país mais próspero do Sudeste Asiático.

Os duques de Cambridge iniciaram o dia, o segundo de sua visita à cidade-Estado, com uma visita aos recém estreados jardins construídos junto à baía, onde dezenas de pessoas os aguardavam, segundo a rede de televisão "Channel NewsAsia".

Este projeto recria uma floresta artificial que se eleva 50 metros de altura e que ocupa uma superfície de 40 hectares, onde serão cultivadas 226 mil plantas do mundo todo.

Depois, Kate e William percorreram a fábrica da Rolls-Royce inaugurada em fevereiro pelo primeiro-ministro de Cingapura, Lee Hsien Loong, onde conheceram um dos motores que são fabricados para os Airbus A380.


Kate vai a fábrica de turbinas e mostra o muque em Cingapura

Em seguida, foram recebidos em Rainbow Centre, uma escola para crianças com necessidades especiais no bairro de Queenstown, onde a duquesa de Cambridge deu mais atenção às classes de arte, enquanto seu marido se interessou pela educação física, segundo o canal.

"Invisíveis"

William e Kate gostariam de ser invisíveis, afirmou o jovem casal quando visitavam o Jardim Botânico e uma jovem perguntou ao príncipe que poder mágico gostaria de ter.

"A invisibilidade", respondeu William, segundo o jornal "The Straits Times".

Perguntada depois, a duquesa de Cambridge respondeu: "Eu escolheria a invisibilidade também. Assim, William não poderia se aproximar de mim sem que eu o visse".

Fonte: G1