Loja na Índia ganha nome de Hitler e gera protestos de judeus locais

Os judeus da região pedem a mudança do nome

Uma loja de roupas masculinas na Índia está enfrentando o descontentamento dos moradores da cidade de Ahmedabad. A comunidade de maioria judaica pede que os donos troquem o nome da loja, batizada de Hitler.


Loja na Índia ganha nome de Hitler e provoca protestos de judeus da região

Um dos proprietários, Rajesh Shah, explicou que o nome é uma homenagem ao avô do sócio, que ganhou o apelido de Hitler por causa do jeito severo. Shah garante que eles não tinham a intenção de ofender ninguém.

- Francamente, até o momento em que entramos com o pedido de permissão para a marca, eu só tinha ouvido falar que Hitler era um homem severo - justificou ele, em entrevista ao Indian Times. - Só recentemente lemos sobre Hitler na internet.

Mas os judeus da região não pensam como Shah e o sócio. Um grupo visitou a loja na semana passada, e garantiu que a dupla havia pesquisado bastante sobre o ditador alemão, antes da inauguração. Inclusive usaram a suástica nazista na placa da loja.

- Nós sugerimos um outro projeto, mas os donos alegaram que o nome foi um bom negócio, desde o lançamento da loja - disse um dos moradores.


Loja na Índia ganha nome de Hitler e provoca protestos de judeus da região

Após a visita dos judeus, Shah afirmou que está cogitando mudar o nome da loja, mas só se ele e o sócio tiverem uma compensação financeira, já que estão sem dinheiro. O proprietário explica que eles gastaram uma quantia considerável, para fazer cartões de visita, placa da loja e publicidade.


Loja na Índia ganha nome de Hitler e provoca protestos de judeus da região

Fonte: Extra