Londres vai usar DNA de cães para identificar quem largar fezes na rua

É a primeira vez que se coloca em prática um plano deste tipo no Reino Unido, que já foi testado com êxito nos Estados Unidos.

Um bairro de Londres, curiosamente chamado Barking ("Latindo") e Dagenham, divulgou nesta terça-feira (28) um plano para identificar os donos de cachorro que não recolhem as fezes de seus pets com exames de DNA dos excrementos.

Image title


O governo local pedirá aos proprietários de cães que compareçam ao veterinário para registrar o animal em uma base de dados genéticos, alertando que quem não fizer isso não poderá mais passear com seus pets em nenhum dos 27 parques do bairro.

O exame das fezes não recolhidas permitirá chegar até os donos e cobrar deles uma multa de 80 libras (US$ 122) que servirá para aliviar a fatura de 2,3 milhões de libras anuais de limpeza de fezes de cachorros no bairro.

É a primeira vez que se coloca em prática um plano deste tipo no Reino Unido, que já foi testado com êxito nos Estados Unidos.


Fonte: G1