Lutando contra o câncer, pai e filho morrem com algumas horas de diferença

Os dois estavam no mesmo hospital, em quartos colados, em Burnley, na Inglaterra.

Um inglês e seu filho, que foram inseparáveis por toda a vida, morreram com algumas horas de diferença, ambos vítimas de câncer, no Reino Unido. Dean Thurlow, de 40 anos, perdeu a luta de quatro anos contra a doença, que atingiu seu cérebro, no último dia 23. No dia seguinte, seu pai, Eric, de 71, cujo tumor estava alojado no pâncreas, não resistiu e também faleceu.

Os dois estavam no mesmo hospital, em quartos colados, em Burnley, na Inglaterra. As informações são do jornal The Mirror. Eric tinha sido diagnosticado com câncer há apenas um ano e meio, mas soube logo que a doença, que começou no pâncreas, já estava se espalhando pelo corpo. Ele já tinha feito uma cirurgia para tratar o problema, mas sem sucesso. Já seu filho, durante os quatro anos de luta contra um tumor no cérebro, fez quatro operações. No último dia 25 de setembro, Dean teve um agravo em seu estado de saúde e foi encaminhado para o hospital.

Poucos dias depois, seu pai acabou indo para a mesma unidade, em um quarto ao lado, também para tratar o câncer. Na semana passada, Dean acabou morrendo e, horas depois, Eric também partiu. Na última quinta-feira, a família promoveu um funeral em conjunto. “A vida nunca mais será a mesma sem eles”, disse a irmã de Dean, Tracey Read. “Eles eram inseparáveis. Dean tinha uma van e eles sempre viajavam para pescar juntos. Eles ficaram juntos até o fim, do jeito que queriam que fosse”. Eric deixou a esposa, Eileen, a filha Tracey e os netos, Jack, de 22, e Jake, de 8, filho de Dean, que também deixou uma viúva.

 


Fonte: The Mirror.