Mãe de Diego Maradona morre aos 81 anos na Argentina

Imprensa argentina divulgou que Maradona está de viagem rumo ao país

A mãe de Diego Maradona, Dalma Salvadora Franco, mais conhecida como Dona "Tota", morreu neste sábado, aos 81 anos, em uma clínica de Buenos Aires, vítima de uma doença coronariana.

"A senhora Dalma Maradona sofreu uma descompensação e uma parada cardíaca às 18h30 (19h30 de Brasília) não reagindo às manobras para ressuscitá-la", informou a Clínica de Los Arcos, em um breve comunicado.

Dona "Tota" estava internada na unidade de tratamento intensivo por causa de uma recaída de seu delicado estado de saúde, que nos últimos meses tinha motivado várias internações hospitalares.

Por causa da entrada da mãe na clínica, Maradona decidiu nas últimas horas viajar para a Argentina desde os Emirados Árabes Unidos, onde comanda o clube Al Wasl. A imprensa local divulgou que o ex-capitão da seleção argentina está de viagem rumo ao país.

O anúncio da morte coincidiu com o início do segundo etapa do jogo entre Independiente e Olimpo de Bahía Blanca, o que motivou que jogadores e torcedores fizessem um minuto de silêncio para lembrar a mãe do ex-técnico argentino.

Fonte: Terra, www.terra.com.br