Médico é preso após encomendar 50 DVDs de pornografia infantil

Médico é preso após encomendar 50 DVDs de pornografia infantil

A polícia descobriu que as entregas eram feitas tanto para o doutor Keller como para um centro de saúde de estudantes na Philips Academy

O doutor Richard Keller, endocrinologista da área de pediatria do Boston Children?s Hospital, foi preso na última quinta-feira (13) acusado de ser receptor de conteúdos pornográficos envolvendo crianças. De acordo com promotores de uma investigação contra a pedofilia online nos Estados Unidos, Keller encomendou mais de 50 DVDs de sexo com menores de idade pela web.

Uma busca na casa do médico identificou ainda mais 500 fotos e 100 DVDs de pornografia infantil. O jornal Boston Herald noticiou que a investigação está em andamento há dois anos, e começou com denúncias sobre uma empresa de fora do país que oferece filmes em streaming e mídia física com cenas eróticas de menores.

De acordo com o jornal, alguns vídeos traziam meninos nus brigando por comida, tomando banho, lutando na cama e jogando Twister. Segundo uma fonte de outro diário, o Daily Mail, o médico gastou cerca de US$ 2700 (R$ 3400) em 19 vídeos comprados entre janeiro de 2009 e julho de 2011.

A polícia descobriu que as entregas eram feitas tanto para o doutor Keller como para um centro de saúde de estudantes na Philips Academy. Assim que a polêmica veio à tona, os responsáveis pelo Boston Children?s Hospital afastaram o médico e emitiram uma nota oficial garantindo que não houve nenhuma denúncia de possíveis incidentes envolvendo as crianças tratadas no local.

Keller foi convocado para depor nesta sexta (14), porém ficou em silêncio durante todo o processo. Caso seja condenado, ele pode pegar de cinco a 20 anos na prisão, além de pagar multa de US$ 250 mil (R$ 500 mil) e ficar sob observação pela vida inteira. Ou seja, mesmo que seja solto após ser preso, ele volta para a cadeia imediatamente se cometer qualquer tipo de deslize relacionado à pornografia infantil.

Fonte: Gawker