Membro de banda de rock alternativo mata 3 colegas e se suicida nos EUA

Um quinto indivíduo ficou ferido e foi transferido a um hospital

Um músico de uma banda de rock alternativo matou três de seus companheiros e depois se suicidou, em um incidente que ocorreu no Brooklyn (sudeste de Nova York), indicaram nesta segunda-feira (11/11) fontes policiais.

"Um indivíduo disparou contra três vítimas, matando-as, no edifício 318 de Maujer Street", em East Williamsburg, um bairro do Brooklyn, afirmou à AFP um porta-voz da polícia de Nova York.

"Também parece que o agressor tirou a própria vida no telhado deste local", acrescentou o porta-voz, sem querer confirmar a identidade das pessoas envolvidas no tiroteio, que ocorreu na madrugada desta segunda-feira.

Um quinto indivíduo ficou ferido e foi transferido a um hospital, segundo o tabloide local Daily News. Este tabloide também informou que o agressor e as vítimas eram membros da banda de rock alternativo de origem iraniana The Yellow Dogs.

O porta-voz policial confirmou parcialmente esta informação, afirmando que, de acordo com os resultados preliminares da investigação, as vítimas "parecem ser membros de uma banda" de rock.

Embora a polícia não tenha informado as causas do tiroteio, o Daily News afirmou que o agressor havia sido expulso da banda recentemente.

Na página do Facebook do The Yellow Dogs, várias pessoas deixaram mensagens de condolências na manhã desta segunda-feira.

"Horrível o que ocorreu com eles. RIP", escreveu, por exemplo, R

Fonte: Correio Web