Menina com Down passa 9 dias com cadáver da mãe

Adolescente não percebeu que mulher tinha morrido e tentava alimentá-la diariamente

Uma adolescente de 15 anos com síndrome de Down passou nove dias fechada, dentro de um trailer, com o corpo de sua mãe morta, segundo publicou a imprensa canadense nesta sexta-feira (12).

Mike Prentice, um dos irmãos da menor, declarou à televisão pública canadense CBC que a menina não percebeu que sua mãe tinha morrido e que, durante os nove dias, tentou alimentá-la.

- Ela tentou cuidar dela, dar remédios. Tentou fazer com que estivesse melhor, abriu um pacote de macarrão para alimentar a minha mãe.

Prentice também disse que sua irmã perdeu mais de 20 kg durante os nove dias que esteve com o cadáver da mãe e que quando uma vizinha a descobriu, no dia 14 de setembro, a menor pesava pouco mais de 40 kg.

O irmão denunciou que as autoridades da Província da Colúmbia Britânica, onde viviam as duas mulheres, ignoraram suas solicitações que a menor não podia viver com sua mãe ? segundo ele uma mulher drogada e que vivia em míseras condições em uma trailer na localidade de Chilliwack, a cerca de 100 km de Vancouver.

Prentice tentou levar sua irmã com ele em julho e chamou a polícia, mas os responsáveis dos serviços sociais da Província lhe forçaram a entregar de novo a menor aos cuidados da mãe.

Fonte: R7, www.r7.com