Menina expulsa de restaurante ver o médico que vai lhe tratar sem cobrar

Menina com cicatrizes no rosto recebe visita de médico que vai tratá-la gratuitamente

O último final de semana foi especial para a pequena Victoria Wilcher, de 3 anos, que foi expulsa de uma filial do restaurante da rede KFC por estar ?assustando clientes?, em Jackson, no Mississippi (EUA), no início deste mês. A pequena, que ficou com cicatrizes no rosto depois de ter sido atacada por um cachorro, recebeu a visita de um cirurgião plástico norte-americano, que ofereceu a ela a oportunidade de ter tratamento médico e estético gratuitamente até ela se tornar adulta. As informações são da CNN.

O especialista em cirurgia de reconstrução plástica Frank Stile, que também é responsável por uma ONG que ajuda crianças, viajou de Las Vegas até o Mississippi, onde a família Wilcher mora, apenas para encontrar sua nova paciente e passar algumas horas com ela. O médico conheceu a menina e seus parentes no aeroporto internacional de Jackson?s Medgar Evers.

?Eu vi a história de Victoria na televisão e em mídias sociais. Eu fiquei muito chocado com o que ela sofreu. Quis ajudá-la?, disse o Dr. Stile, que através do Facebook, já havia feito seu convite aos Wilcher. ?Não vamos fazer milagre, mas faremos o nosso melhor?, acrescentou.

Lindsay Turk, advogada e porta-voz da família de Victoria, agradeceu: ?Nunca poderemos agradecê-lo o bastante por essa ajuda?.

Rede de fast-food fará doação

Após a polêmica, responsáveis pela rede de fast-food KFC informaram que irão fazer uma doação de US$ 30 mil (pouco mais de R$ 67 mil) para a família de Victoria Wilcher.

?Assim que fomos notificados do acontecido começamos imediatamente uma investigação, já que esse tipo de ação ofensiva e desrespeitosa não seria tolerada no KFC?, informou o porta-voz da companhia Rick Maynard. ?Independentemente do resultado de nossa investigação, pedimos desculpas à família de Victoria e estamos comprometidos em ajudá-la. A empresa está oferecendo uma doação de US$ 30 mil para suas despesas médicas. Toda a família KFC está apoiando Victoria?.

Família agradeceu apoio

Através do Facebook, a família de Victoria agradeceu o apoio recebido, principalmente, através das redes sociais. "Estamos todos impressionados com todo o apoio que Victoria recebeu nesta última semana. As histórias que vocês compartilharam conosco realmente tocaram nossos corações. É impressionante como muitas pessoas em todo o mundo têm uma história semelhante à dela".

Num site de arrecadação de fundos para ajudar Victoria, internautas já doaram US$ 130 mil (cerca de R$ 290 mil).

Entenda o caso

Em abril deste ano, a pequena Victoria perdeu o olho direito e ficou com cicatrizes na boca e no nariz após ser vítima de um cão da raça pitbull. A família da menina que, desde então, tem usado uma conta no Facebook para narrar o progresso dela, usou o espaço para protestar contra a situação vivida por eles.

?Será que este rosto parece assustador para você? Na semana passada, no KFC de Jackson, em Mississippi, este rosto precioso foi convidado a sair do local, porque estava assustando os clientes. Eu nunca mais vou por o pé em outro KFC e, pessoalmente, escreverei (sobre o caso) para o CEO da empresa?, escreveu a mãe da menina na rede social.


Menina expulsa de restaurante conhece médico que tratará rosto gratuitamente

Menina expulsa de restaurante conhece médico que tratará rosto gratuitamente

Menina expulsa de restaurante conhece médico que tratará rosto gratuitamente

Menina expulsa de restaurante conhece médico que tratará rosto gratuitamente

Fonte: Extra