Michael Douglas acusa paparazzi de lucrarem com sua doença

Michael Douglas acusa paparazzi de lucrarem com sua doença

O ator sugere que parte do dinheiro seja doado para a caridade

Michael Douglas está pedindo aos paparazzi que ficaram ricos com a "macabra" atividade de tirar fotos dele, durante sua batalha contra o câncer na garganta, a doarem parte deste dinheiro para a caridade.

O premiado astro do cinema admite que foi duro enfrentar os fotógrafos enquanto lutava contra a doença, e acha até que as fotos podem ter sido manipuladas para fazer com que parecesse mais magro e doente do que realmente estava.

Douglas admite que as imagens que apareceram nos tabloides preocuparam seus amigos e levaram seu pai Kirk Douglas, que está com 95 anos, a viajar de Los Angeles para Nova York, por estar excessivamente preocupado com o filho.

Michael acha que agora é hora da vingança.

Em entrevista aos programas Today e Dateline da NBC, Michael, que contou nesta terça-feira (11) que está livre do câncer, disse:

"Eles (os paparazzi) estavam lá todos os dias. Acho que a curiosidade lhes deu muito o que fazer ... e há tantos veículos hoje em dia."

E Douglas continua:

"Houve uma espécie de curiosidade macabra, da parte dos paparazzi, de ficar me olhando ir e vir por um tempo,... Você quer compartilhar e dar 25 por cento (do que ganhou) para as Nações Unidas ou para minha instituição de caridade favorita? Ou para a pesquisa sobre o câncer? Por que eles têm o direito de te roubar tua própria identidade e ficar com cem por cento dos ganhos egoisticamente para eles mesmos? "

A perseguição constante deu a Douglas uma ideia de como deve ser a vida das jovens estrelas que nunca estão fora dos tabloides.

"Eu sinto muito por todos estes jovens. Quero dizer, com a quantidade de paparazzi que existe e todas essas câmeras de vídeo ... você simplesmente não pode fazer nada. "

Fonte: OFuxico, ofuxico.terra.com.br