Militares americanos são presos suspeitos de estupro no Japão

Segundo a imprensa local, eles violentaram e agrediram jovem na segunda

Dois militares americanos foram detidos na terça-feira (16) sob suspeita de estupro de uma japonesa na ilha de Okinawa, que abriga uma grande base militar dos Estados Unidos.

Os dois suspeitos, de 23 anos, aparentemente violentaram uma jovem e feriram a vítima no pescoço na noite de segunda-feira (15), segundo a imprensa local.

A polícia de Okinawa não comentou a informação.

O caso acontece em um momento de grande sentimento antiamericano nesta ilha do sul do Japão.

O embaixador dos Estados Unidos, John Roos, expressou a vontade do governo americano de oferecer "uma cooperação total e inequívoca na investigação".

"Eu compreendo a revolta das pessoas", declarou Roos após uma conversa com o vice-chanceler nipônico, Shuji Kira.

O prefeito de Okinawa, Hirokazu Nakaima, que faz campanha contra a presença militar americana na ilha, manifestou irritação em uma reunião com o ministro da Defesa, Satoshi Morimoto.

Fonte: Globo.com