Mulher fica ferida após ter mão mordida em ataque de canibalismo

Mulher fica ferida após ter mão mordida em ataque de canibalismo

Victoria Smith atacou Jamie Montgomery e arrancou pedaços de sua mão. Vítima ficou quase um mês no hospital e ainda se recupera

Uma mulher de 27 anos passou quase um mês no hospital e pode nunca retomar completamente os movimentos de sua mão após sofrer um ataque de canibalismo no Reino Unido. Jamie Montgomery foi atacada por Victoria Smith, também de 27 anos, que arrancou pedaços de sua mão com os dentes, segundo o jornal ?The Sun?.

As duas estavam em uma casa noturna. ?Ela só me mordia. Eu vi todo o sangue, foi uma dor extrema?, contou Jamie. Ela passou 29 dias no hospital, precisou fazer uma cirurgia plástica e pode nunca recuperar o movimento de seu dedão.

O ataque aconteceu em Blackpool. A agressora chegou a ser detida, pagou fiança e foi libertada. Logo depois, ela atacou uma segunda vítima - Charlotte Forde, 21, que teve o dedão de uma das mãos mordido. Quando isso aconteceu, Victoria gritou que nunca havia feito aquilo antes.

Segundo o promotor Jon Close, a agressora disse que atacou Jamie porque estava com fome e ficou alterada.

Apesar de ter sido condenada a nove meses pelas agressões, Victoria não ficará presa. A pena foi suspensa por dois anos, com 12 meses de supervisão.

Fonte: G1