Navio chega à Líbia para resgatar 148 brasileiros no país

Espera-se que a embarcação parta ainda nesta quinta-feira com os brasileiros

O Itamaraty informou nesta quinta-feira que um navio que resgatará 148 brasileiros que estão em Benghazi, a segunda maior cidade da Líbia, já está atracado no porto e espera apenas a liberação de um píer para receber os passageiros.

Espera-se que a embarcação parta ainda nesta quinta-feira com os brasileiros, funcionários da construtora Queiroz Galvão, rumo ao porto de Pireu, na Grécia, onde deve chegar na sexta-feira.

Espanhóis, portugueses e um tunisiano também devem ser resgatados pelo navio.

Houve tentativas prévias de buscar os brasileiros em Benghazi por via aérea, mas há relatos de que a pista do aeroporto da cidade foi destruída no início da semana em meio à instabilidade na região.

Primeiro avião

Ainda segundo fontes do Itamaraty, um avião fretado pela construtora Odebrecht já se encontra em Trípoli, a capital do país, para realizar um segundo voo de retirada de seus funcionários da cidade.

No entanto, por causa da intensa movimentação no aeroporto, é possível que a aeronave só consiga decolar na sexta-feira.

Nesta quinta-feira, um primeiro voo fretado chegou a Malta, Ilha no Mediterrâneo, com 446 funcionários da Odebrecht que estavam em Trípoli, incluindo 114 brasileiros.

A empresa anunciou que fretaria três aviões para retirar funcionários e seus familiares do país norte-africano, palco de protestos contra o regime do líder Muamar Khadafi desde 15 de fevereiro.

Fonte: g1, www.g1.com.br