Pai de família quase morre após médicos arrancarem seu rosto para retirada de tumor

Pai de família quase morre após médicos arrancarem seu rosto para retirada de tumor

Tudo começou em 2006, quando, do nada, Tommy começou a sentir muitas dores de cabeça e enjoos, segundo o jornal inglês Daily Mail.

Tommy Kirkland, que tem 42 anos e um filho, escapou da morte de uma forma inusitada: médicos arrancaram todo seu rosto em uma cirurgia para poder retirar um tumor cerebral. Agora, com o rosto foi recolocado, ele vai se casar novamente.

Tudo começou em 2006, quando, do nada, Tommy começou a sentir muitas dores de cabeça e enjoos, segundo o jornal inglês Daily Mail.

Ele fez exames, e os médicos disseram que ele tinha um tumor do tamanho de uma bola de beisebol no lado esquerdo do cérebro. Deram até um conselho: diga adeus a sua família antes de fazer a operação. Porque talvez ele não acordasse.

Foram, no total, 38 horas na mesa de operação, contanto todos os procedimentos que ele fez.

Os médicos conseguiram remover o tumor quando retiraram a pele de seu rosto, tiraram parte do queixo, arrancaram um pedaço do crânio e eliminaram a parte cancerígena.

Tommy, que é de Coatbridge, na Escócia, disse que já está se sentindo bem e só pensa em se casar com sua noiva, Gillian Williams, de 32 anos. Está marcado para junho.

? Eu acordo feliz toda manhã pensando que eu vou me casar logo. A operação para remover minha cara foi grande. Foram sete especialistas - um para os olhos, um para monitorar minha respiração e cinco para operar. Foi um grande choque, mas tive muito apoio e agora quero viver minha vida.

Fonte: r7