Serial killer ri após pai de vítima tentar agredi-lo em julgamento

assassino foi classificado como um agressor sexual

Imagens mostram o momento em que um pai de uma jovem assassinada por um criminoso sexual e serial killer saltou para cima do agressor depois que ele foi condenado à pena de morte.

Michael Madison, de 38 anos, foi jugado pelos assassinatos de Shirelda Terry, de 18 anos de idade, Angela Deskins, de 38, e Shetisha Sheele, de 28, todos ocorridos nos EUA.

Van Terry, pai da vítima mais jovem, falava sobre a perda da filha após o criminoso ter sido condenado à morte, quando, de repente, correu na direção do criminoso e pulou sobre ele.

Michael foi visto rindo enquanto muitas pessoas tentavam conter Van, e a audiência continuou depois que o pai da vítima foi retirado do recinto.

Image title

Image title

Image title

Image title


Fonte: Com informações do Gadoo