Passageiros fazem protesto e se recusam a descer de avião

Passageiros fazem protesto e se recusam a descer de avião

Elas ficaram mais de 4 horas dentro da aeronave depois do pouso

Quase de 100 passageiros da companhia irlandesa de baixo custo Ryanair fizeram um protesto depois que seu voo foi desviado para um aeroporto regional belga. Eles se negaram a sair da aeronave por quase cinco horas e exigiram o prosseguimento da viagem para a França.

Depois do pouso, os passageiros, em sua maioria turistas que retornavam de férias no Marrocos e deviam aterrissar em Beauvais, ao norte de Paris, permaneceram sentados no avião em sinal de protesto.As autoridades disseram que alguns passacgeiros chegaram a cuspir na equipe do aeroporto.

"Foi uma situação muito tensa", disse Christian Delcourt, porta-voz do aeroporto Liege. "Algumas dessas pessoas eram muito agressivas, muito rudes."

Deixados no escuro durante quatro horas, depois que os pilotos e os membros da tripulação desceram do avião pouco após o pouso no aeroporto de Liege (leste da Bélgica), os passageiros aceitaram aceitaram deixar a aeronave no meio da madrugada.

"Os passageiros não eram razoáveis e se recusaram a seguir o conselho que lhes teria permitido completar a sua viagem" (de ônibus), disse o porta-voz da Ryanair, Stephen McNamara, em um comunicado.

Os passageiros explicaram que o avião decolou de Fez, no Marrocos, com três horas de atraso e não conseguiu pousar em Beauvais porque o aeroporto estava fechado.

Fonte: g1, www.g1.com.br