Políciais não encontram nada suspeito na casa de magnata russo morto

Boris Berezovsky foi encontrado morto no sábado (23). No Brasil, ele ficou conhecido por possível ligação com o Corinthians.

Os investigadores especializados em substâncias NRBC (nuclear, radiológica, biológica e química) não acharam nada suspeito na residência, em Ascot, sudoeste de Londres, onde, no sábado, foi encontrado o corpo do magnata russo Boris Berezovsky.


Políciais não encontram nada suspeito na casa de magnata russo morto

Políciais não encontram nada suspeito na casa de magnata russo morto

"Os investigadores NRBC não encontraram nada suspeito na residência e agora realizamos as investigações normais", afirmou a polícia em um comunicado.

Berezovsky, forte crítico do presidente russo Vladimir Putin, foi encontrado morto no sábado em sua casa. Após o caso, a polícia isolou a área para realizar os exames.

O magnata, de 67 anos, se mudou para o Reino Unido em 2000 por causa de seus problemas com a Rússia de Putin e tinha tido um enfrentamento empresarial com o dono do clube inglês Chelsea, o também russo Roman Abramovich.

Em 2012, Berezovsky, que andava sempre com seguranças, tinha perdido uma batalha legal multimilionária contra Abramovich por considerar que este o tinha intimidado a vender ações da companhia petrolífera russa Sibneft por uma "fração" de seu valor real.

No entanto as acusações do magnata russo foram rechaçadas pelo Tribunal Comercial de Londres.

Tanto Berezovsky quanto Abramovich conseguiram acumular numerosas fortunas na Rússia de Boris Yeltsin.

Berezovsky, matemático na era soviética e amigo da família de Yeltsin, tinha iniciado sua carreira empresarial com uma concessionária de carros, mas depois, com a chegada de Putin ao poder, fugiu para vários países e se estabeleceu no Reino Unido.

Berezovsky era amigo do ex-agente secreto russo Alexander Litvinenko, que foi envenenado em Londres com uma substância radioativa no final de 2006.

Fonte: G1