Presidente do Iêmen vai voltar ao país em breve, diz governo

Segundo a mídia oficial da Arábia Saudita e do Iêmen, Saleh conversou com o rei saudita Abdullah e o rei do Bahrein nos últimos dias

O presidente do Iêmen, Ali Abdullah Saleh, que foi levado à Arábia Saudita por conta de ferimentos sofridos durante um ataque ao seu palácio no início deste mês, retornará ao país nos próximos dias, disse uma autoridade iemenita nesta sexta-feira (17).

"A Presidência me confirmou que o presidente retornará nos próximos dias", disse à Reuters Abdu al-Janadi, vice-ministro de Informações do Iêmen. Ele não especificou a data em que isso ocorrerá.

"A saúde do presidente está melhorando continuamente", afirmou.



A saúde e o destino de Saleh foram alvo de informações desencontradas desde o ataque em 3 de junho, em que o presidente e membros de seu gabinete ficaram feridos. Desde o incidente, Saleh não apareceu em público.

Segundo a mídia oficial da Arábia Saudita e do Iêmen, Saleh conversou com o rei saudita Abdullah e o rei do Bahrein nos últimos dias. A renúncia oficial de Saleh após meses de protestos contra ele no país é a principal demanda de seus opositores, que incluem figuras tribais e um grupo de partidos da oposição.

Fonte: g1, www.g1.com.br