Presidente do Irã ameaça Israel

Presidente do Irã ameaça Israel

Ahmadinejad diz que Israel e aliados pagariam caro por novo ataque a Gaza

O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, fez um alerta neste sábado a Israel e aos países que considerou como "os arrogantes que apoiam o regime sionista" ao dizer que pagarão caro por qualquer novo ataque contra a Faixa de Gaza.

Segundo a agência semioficial iraniana "Fars", Ahmadinejad fez esta declaração durante o ato da inauguração de uma fábrica na província iraniana de Kerman para a produção de matéria-prima na fabricação de aço. "Não voltem a cometer o erro de atacar Gaza, já que vão pagar caro", ameaçou o presidente iraniano.

Ahmadinejad aproveitou para criticar o tratamento dado pelo Ocidente às atividades nucleares do Irã.

"Eles mentem e dizem que o Irã tenta produzir bombas atômicas, enquanto eles próprios têm bombas atômicas", afirmou.

O presidente iraniano comentou o enriquecimento de urânio a 20% no Irã e disse que, "segundo a lei, eles devem oferecer o combustível nuclear ao Irã".

As declarações de Ahmadinejad, que repete há vários meses que o Irã não cederá às ameaças, acontecem em um momento no qual as potências ocidentais intensificam os esforços para tentar aprovar no Conselho de Segurança da ONU novas sanções contra o Irã.

As potências ocidentais, começando pelos Estados Unidos, temem que o Irã tente produzir armamento nuclear sob a fachada de um programa nuclear civil.

Ahmadinejad reiterou neste sábado que o Irã cooperou plenamente com a comunidade internacional para tentar mostrar que seu programa nuclear é pacífico.

"Se querem impedir a proliferação, destruam as suas armas nucleares e gastem este dinheiro em benefício de seus povos", declarou o presidente iraniano.

Fonte: IG