Preso homem acusado de filmar menores e postar vídeos na web

Os vídeos de Porvaznik já foram identificados e retirados do ar.

A polícia da Flórida perseguiu e prendeu Phillip Porvaznik, 46 anos, acusado de filmar menores de idade e postar os vídeos no YouTube.

Porvaznik entrou em perseguição com a polícia no dia 16 de fevereiro ao ignorar uma placa de sinalização. Os agentes notaram três meninas no carro com idades entre 8 e 11 anos. Também foram confiscados uma câmera e um laptop.

Alguns dos vídeos encontrados no computador foram postados no YouTube e não mostravam pornografia infantil explícita, mas, de acordo com a policia, ?eram sugestivos e imorais?. Ao fim da investigação, dia 23 de agosto, a Justiça decretou a prisão do homem por venda e distribuição de material ofensivo a menores.

Os vídeos de Porvaznik já foram identificados e retirados do ar. Os termos de compromisso do YouTube restringem usuários de postarem qualquer conteúdo pornográfico ou sexualmente explícito.

Fonte: tech tudo