Professora de 43 anos anuncia gravidez após ser presa por fazer sexo com um aluno de 13

Professora de 43 anos anuncia gravidez após ser presa por fazer sexo com um aluno de 13

Agora aos 16 anos, o jovem defendeu a mulher desde que o caso veio à tona há pouco mais de dois anos.

Uma professora de educação física de 43 anos que foi presa na Áustria após ter relações sexuais com um aluno de 13 anos está agora grávida do jovem, segundo informou o site noticioso Orange News.

Renata Juras, que tem origem croata, era técnica do time de handebol da escola onde estudava o adolescente, Erwin Unterlechner. Ele era um dos jogadores do time. A mulher foi demitida por conta do caso, e chegou então a se mudar e morar com Erwin e a mãe dele por um tempo.

Agora aos 16 anos, o jovem defendeu a mulher desde que o caso veio à tona há pouco mais de dois anos. O padrasto dele foi quem denunciou a professora.

"Eu fui apresentado como vítima, como se ela tivesse me seduzido. Foi uma interpretação completamente falsa. Eu que tomei toda a iniciativa", conta Erwin, que é apenas um ano mais velho do que a primeira filha de Juras. Ele e a "enteada" estudam na mesma escola.

A sentença de Juras, de 22 meses em condicional, foi suspensa depois de o menino dizer à corte que amava a professora e que eles planejavam se casar. E, segundo ela, a gravidez foi planejada. "Foi algo completamente planejado e desejado por nós dois. Já até decidimos o nome, mas não vamos revelá-lo por enquanto", afirma.

O bebê é esperado para junho.

Fonte: G1