Rei da Arábia Saudita anuncia o direito de voto às mulheres

Rei da Arábia Saudita anuncia o direito de voto às mulheres

A participação delas nas eleições municipais começa dentro de quatro anos.

O rei Abdullah da Arábia Saudita anunciou neste domingo o direito de voto e elibilidade nas eleições municipais às mulheres, em um discurso pronunciado diante do Conselho da Shura, uma espécie de Parlamento, embora sem poderes legislativos. O rei saudita decidiu permitir também a inclusão de mulheres no conselho consultivo. A participação delas nas eleições municipais começa dentro de quatro anos, como eleitoras e candidatas.

"Porque nos recusamos a marginalizar as mulheres na sociedade em todos os papeis que cumprem a Sharia (lei islâmica), decidimos, após deliberação com nosso ulama sênior e outros, envolver as mulher no Conselho da Shura como memmbros a partir do próximo mandato. As mulheres poderão participar como candidatas e terão direito a voto", afirmou.

Esta é a primeira vez que a mulher saudita terá o direito de votar e se candidar a um cargo neste reino conservador, onde apenas eleições municipais são organizadas. Ativistas no país há muito tempo pedem maiores direitos para as mulheres, que estão impedidas de viajar, trabalhar ou ter operações médicas sem a permissão de um parente do sexo masculino e são proibidas de dirigir.

Fonte: Terra