Cerca de 6 mil imigrantes ilegais são resgatados no Mediterrâneo em 4 dias

Dados são do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados

Cerca de seis mil imigrantes ilegais foram resgatados no Mediterrâneo nos últimos quatro dias e levados para Sicília e Calábria, na Itália, revelou um levantamento divulgado nesta sexta-feira (11) pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

A Marinha Italiana recuperou estes imigrantes originais de vários países africanos, que realizavam a travessia da Líbia em 40 embarcações totalmente repletas.

A origem dos imigrantes varia entre Síria, Eritreia, Somália, Nigéria, Gâmbia, Mali e Senegal.

Entre os resgatados havia um grande número de mulheres e crianças, inclusive recém-nascidos e vários menores que não estavam acompanhados por nenhum familiar, assinalou o organismo humanitário.


Seis mil imigrantes ilegais são resgatados no Mediterrâneo em 4 dias

Fonte: G1