Sexo sobre trilhos causa constrangimento no metrô de Moscou, Rússia

Sexo sobre trilhos causa constrangimento no metrô de Moscou, Rússia

O metrô de Moscou reforçou as medidas de segurança em suas instalações nesta sexta-feira, depois que um jovem casal entrou em um túnel da rede subterrânea para fazer sexo sobre os trilhos. O casal, que postou fotos de suas proezas sexuais na internet, escolhia como ninho de amor o túnel reservado às manobras em caso de emergência.

"Se um incidente como esse tivesse ocorrido em uma via utilizada com frequência, os delinquentes teriam sido descobertos e detidos imediatamente, na hora em que estivessem entrando no túnel", afirmou a direção do metrô moscovita. Os procedimentos de segurança foram reforçados nesta sexta, com uma série de verificações com o objetivo de descobrir como o jovem casal conseguiu ter acesso a um dos túneis.

"Certamente, não fomos os primeiros a fazer isso", disse Andrei R. à rede de televisão russa LifeNews, explicando que havia escolhido com sua namorada a linha verde do metrô, que passa perto do Kremlin. A Polícia de Moscou está tentando descobrir a verdadeira identidade do casal. Inaugurado em 1935 por Stalin, o metrô de Moscou registra um dos fluxos de passageiros mais elevados do mundo, com 9 milhões de pessoas transportadas diariamente. A rede já sofreu diversos atentados que deixaram um grande número de mortos.

Curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Yahoo