Sobe para 21 o número de mortos em atentado suicida no Afeganistão

Sobe para 21 o número de mortos em atentado suicida no Afeganistão

Incidente ocorreu em Khost e foi reivinidicado por talibãs

Pelo menos 21 pessoas morreram e dezenas ficaram feridas em um atentado suicida praticado nesta quarta-feira (20) no sudeste do Afeganistão e reivindicado pelos talibãs. Balanços anteriores falavam em 17 e 11 mortos.

No ataque, um camicase em uma moto detonou seus explosivos perto de uma patrulha comum das forças afegãs e da Otan na cidade de Khost, segundo o ministério do Interior.

O balanço nas fileiras afegãs é de 17 mortos e pelo menos 37 feridos, segundo hospitais da região, e também morreram um intérprete e três soldados da Força Internacional de Assistência para a Segurança no Afeganistão (Isaf, na sigla em inglês), dos EUA.

Contatados pela AFP, os talibãs reivindicaram a autoria do atentado, nas palavras de um de seus porta-vozes.

A província de Khost faz fronteira com o Paquistão e suas zonas tribais, refúgio da Al Qaeda e uma das retaguardas dos talibãs afegãos, sobretudo da rede Haqani, muito influente no sudeste do Afeganistão.

Em 2011, mais de 3.000 civis morreram em consequência do conflito no Afeganistão, ou seja, quase tantos quanto soldados da ISAF em mais de dez anos.

Desde 2007, mais de 12.000 pessoas morreram no conflito, destacou a ONU. O número de civis mortos no país em atos violentos diminuiu 21% durante os quatro primeiros meses de 2012, segundo a fonte.


Sobe para 21 o número de mortos em atentado suicida no Afeganistão

Fonte: G1