Tumor de 10kg foi retirado do pescoço e costas em cirurgia de grande risco

Um homem chinês de 27 anos de idade tinha 10 kg de tumor nas costas e pescoço

Yang Xiao, de Xi"an, província de Shaanxi, começou a desenvolver o tumor que progrediu de forma constante, até ser retirado pela equipe médica. Ele foi avisado que a cirurgia seria arriscada, mas que sem ela o tumor continuaria a crescer.

Yang desenvolveu um pequeno tumor no pescoço há cerca de 10 anos. Ele cresceu rapidamente e logo estava tão grande como um ovo.

Em 2007, ele foi para o hospital em Xi"an e o tumor foi diagnosticado como fibromatose - um tumor benigno do tecido mole.

Yang e seu pai, Yang Jigao, foram constantemente avisados pelos médicos que a cirurgia poderia matá-lo. Como resultado, seu pai, que já havia perdido sua esposa e filha, decidiu não correr o risco. Depois de deixar o hospital, tumor de Yang continuou a crescer.

Após atingir o tamanho de uma bola de futebol, ele começou a se espalhar pelas costas através da clavícula.

No final de 2013, pai e filho retornaram ao hospital - desta vez foram para o Xijing Hospital. Neste momento, o tumor já media 45 centímetros de baixo para cima e 30 centímetros de diâmetro, além de ter 17 centímetros de espessura.

A comunidade de sua cidade se reuniu e conseguiu juntar o equivalente a R$ 7.000. O dinheiro não foi suficiente, mas seu pai lutou por um empréstimo de R$ 36.000 para complementar o dinheiro arrecadado.

A cirurgia, que ocorreu em 19 de fevereiro (mas só agora foi divulgada) levou mais de 9 horas para ser concluída. Yang ainda encontra-se internado.

Este tipo de tumor é considerado bastante raro. Geralmente seu crescimento é agressivo e precisam de remoção.







Fonte: DailyMail