Vulcão bloqueia 30 mil pessoas na Indonésia

Vulcão bloqueia 30 mil pessoas na Indonésia

O Sinabung entrou em erupção no último domingo (29), forçando a retirada de moradores

Quase 30 mil pessoas permanecem bloqueadas nesta terça-feira (31) em abrigos públicos após a erupção do vulcão Sinabung, na ilha indonésia de Sumatra.

Os moradores foram obrigados a abandonar uma área situada em um raio de 6 km ao redor do vulcão, que entrou em erupção no último domingo (29), pela primeira vez em quatro séculos.

O coordenador das operações de emergência, Agus Widisono, disse que ainda não há segurança para que as pessoas voltem às suas casas.

- As pessoas perguntam se podem voltar para casa para alimentar seus animais e proteger seus bens, mas não podem abandonar os abrigos provisórios.

Apesar do perigo, o vulcanologista Agus Budianto informou que a erupção perdeu intensidade nas últimas horas.

- O vulcão segue expelindo fumaça e cinzas, mas a nuvem alcança apenas 50 m, contra os 2.000 m de ontem. Mas nossos instrumentos ainda registram tremores no vulcão, o que significa que há uma pressão do magma.

Depois da erupção do último domingo, as cinzas se dispersaram a uma distância de 30 km do vulcão, e as companhias aéreas foram aconselhadas a desviar os aviões da região.

O Sinabung é um dos 69 vulcões ativos na Indonésia, país que fica no chamado anel de fogo do Pacífico, onde a atividade vulcânica e sísmica é muito forte.

Fonte: R7, www.r7.com