Internautas usam sites de relacionamento para escapar da lei seca

Alguns internautas estão usando sites de relacionamento para escapar da fiscalização da Operação Lei Seca

Alguns internautas estão usando sites de relacionamento para escapar da fiscalização da Operação Lei Seca, no Rio de Janeiro. A tecnologia muita vezes vem sendo usada a serviço do crime nas páginas da rede. Uma mulher, cuja identidade foi preservada, disse que é fácil saber onde está uma blitz.

?Está todo mundo informando onde está a blitz para que você não passe por ela. Acho que ela faz um barulho tão grande que todo mundo sabe onde ela (blitz) está?, disse a mulher.

Na internet, há até uma comunidade sobre o assunto. Nela, são divulgados endereços e também horários para motoristas infratores fugirem da fiscalização. Em uma página de mensagens, por exemplo, a troca de informações acontece a todo instante. Um dos recados diz: ?Alô galera do Rio, estão montando uma mega blitz de operação lei seca nos dois sentidos na Linha Amarela.?

Depois de conferir a mensagem, uma equipe do Jornal da Globo foi até a Linha Amarela, uma das mais movimentadas vias expressas do Rio de Janeiro, conferir se a informação era verdadeira. Cerca de 50 minutos depois que o recado foi divulgado na internet, a reportagem confirmou os dados.

?O recado que eu dou para as pessoas que estão agindo dessa forma é que elas tenham sensibilidade porque esse projeto tem como único objetivo a preservação da vida humana. Nós vamos aumentar as nossas operações. Estaremos em vários lugares ao mesmo tempo?, disse Carlos Alberto Lopes, coordenador da blitz na Linha Amarela.

Fonte: g1, www.g1.com.br