Eletrobras garante melhoria no fornecimento de energia

Eletrobras garante melhoria no fornecimento de energia

Segundo ele, são mais de 10% do aumento anual no estado, a exemplo de 2012 que chegou a alcançar 14%, enquanto no Brasil o aumento foi apenas de 4%

A falta de manutenção das redes de fornecimento de energia elétrica na capital continuam gerado enormes transtornos aos consumidores em razão dos prejuízos causados. O tema foi mais uma vez discutido no programa Agora, da Rede Meio Norte, onde o presidente interino da Eletrobras,José Salan aponta algumas medidas de solução para as dificuldades enfrentadas.

Os moradores do bairro Mocambinho, zona norte de Teresina, estão sem energia desde as 19 horas desta quinta-feira (05), um problema que se repete há dois dias consecutivos. ?Nós já estamos com duas noites seguidas sem energia. A gente liga pra lá (para a Eletrobras) e eles dizem que já têm conhecimento da situação, só que não aparece ninguém. As coisas da gente se estragam e o talão sempre vem. Eu tenho um bebê e tenho que tá balançando ele à noite todinha por causa da muriçoca e do calor?, queixa-se uma moradora.

Entre outros riscos os fios da rede de alta tensão ficam expostos e, às vezes, no chão. ?É um perigo. O meu filho passou perto desse fio e a gente não vê. Desde ontem que a gente liga, liga para a Eletrobras e nada de nós ?ser? atendido??, reclama um senhor residente no bairro.

O presidente interino da Eletrobrás, José Salan, fez um comparativo do aumento do consumo de energia no Piauí e no Brasil. Segundo ele, são mais de 10% do aumento anual no estado, a exemplo de 2012 que chegou a alcançar 14%, enquanto no Brasil no mesmo período o aumento foi de 4%. ?O nosso estado é um dos que mais cresce o consumo de energia elétrica. Ao mesmo tempo em que aumenta o consumo, nós fazemos, tanto investimentos para melhorar o consumo, quanto para prever o crescimento no futuro.?

Em relação à capital, o presidente afirmou que nos últimos 15 meses a capacidade do fornecimento foi quase dobrada com o aumento de três novas subestações, a do Poti, a do Renascença e a do Polo Industrial Sul, de 50 MVA, que será energizada até a próxima semana.

Segundo ele, há problemas pontuais na distribuição. Como medida, José Salan afirma que já está em andamento, através da Eletrobras, o programa de substituição de cabos e novos alimentadores em Teresina que, entre outros bairros contemplará o Dirceu, Renascença e também o Polo Industrial.

Fonte: Denison Duarte