Jovem manda SMS ao pai avisando ataque de asma, mas não resiste

Jovem manda SMS ao pai avisando ataque de asma, mas não resiste

O ataque foi tão forte que provocou uma parada cardíaca em Siobhan Ullah.

Uma jovem britânica que morreu nesta semana após sofrer um forte ataque de asma, pediu socorro ao pai, que estava no andar debaixo da casa onde moravam, via mensagem por celular. O caso aconteceu em Bradford, no Reino Unido.

O ataque foi tão forte que provocou uma parada cardíaca em Siobhan Ullah, 18, impedindo-a de gritar ou chorar. Na mensagem enviada ao pai, a última, ela escreveu: "Não consigo respirar".

O pai, Yousuf Ullah, conseguiu encontrar a filha ainda viva e chamar a emergência, mas a garota não resistiu. No dia seguinte, os médicos confirmaram que ela teve morte cerebral.

No início do dia, no seu perfil no Facebook, Siobhan havia postado que não estava se sentido bem. Curiosamente, chegou a escrever o seguinte comentário: "Parece que vou morrer".

"É preciso acalmar quem sofre desses ataques e tentar ressuscitá-los. Mas não cheguei a tempo de fazer a inalação e logo chamei a ambulância porque sabia que seria um ataque forte", disse Yousuf ao jornal britânico "Daily Mail".

Segundo ele, as últimas palavras da filha foram "vou parar de respirar, acho que vou morrer".

"Nem os irmãos dela pensavam que a asma poderia matar, e muitas pessoas não sabem. Por isso é tão importante que as pessoas saibam exatamente o que fazer caso alguém tenha um ataque na frente delas", completou o pai da jovem.

Fonte: UOL