Jovem de 18 anos fica 20 horas sob capô para entrar na Itália

Ele conseguiu chegar em Bari, na Itália, mas os esforços foram em vão

Imigrantes ilegais inventam uma série de artifícios para poderem fugir das autoridades. Um afegão de 18 anos desesperado chegou ao extremo: passou 20 horas dentro do capô de um carro para conseguir entrar na Itália.

O garoto, cujo nome não foi revelado, se escondeu próximo ao motor do carro e durante o período em que passou escondido manteve apenas uma garrafa de água e um cobertor para amenizar o desconforto.

Ele conseguiu chegar em Bari, na Itália, mas os esforços foram em vão. O chefe da imigração descobriu o esconderijo ao perceber o nervosismo do motorista do carro, Kaloyanov Ivaylo, de 24 anos, e da passageira Georgieva Stanislava, de 39 anos, ambos búlgaros que haviam acabado de chegar da Grécia.

Quando o garoto foi descoberto, ele estava em um estado de ?semiconsciência? e foi levado ao hospital, de acordo com o tabloide britânico ?Daily Mail?.

O jovem contou à imigração que pagou seis mil euros (cerca de R$ 15,3 mil) a uma gangue para fazer a ?jornada?, da qual o motorista búlgaro fazia parte. Ele disse que economizou dinheiro oito anos para pagar a quantia.



Fonte: Época