Jovem que deu à luz na estação de trem tenta encontrar homem que a ajudou no parto

A jovem, que estava com mais de 40 semanas de gestação, quer agora agradecer pela atitude dos dois.

A jovem Monique Rafaela Henrique de Souza, de 19 anos, que na tarde da última segunda-feira deu à luz uma menina na plataforma da estação da SuperVia de Madureira, procura o passsageiro e o funcionário da concessionária que a ajudaram na hora do parto. A jovem, que estava com mais de 40 semanas de gestação, quer agora agradecer pela atitude dos dois.

- Queria encontrá-los para agradecer pelo que fizeram por mim. Não sei o que seria de nós duas sem a ajuda deles. Sou muito grata a eles - disse, emocionada.

Prestes a receber alta da Maternidade Alexander Fleming, em Marechal Hermes, Monique, carinhosamente, lembra do espisódio que, para ela, foi uma benção:

- Eu estava na estação para seguir viagem para minha casa, em Anchieta. Na plataforma de Madureira, comecei a sentir muitas dores e senti que a minha bolsa estourou. Nesse momento, fiquei nervosa, pedi ajuda à SuperVia, que chamou a ambulância. Por conta da demora, os bombeiros foram acionados. A partir daí, só lembro que uma pessoa, que acho que foi Deus quem colocou no meu caminho, me ajudou a ter a minha Nicole. Só vim para a maternidade para fazer os procedimentos do pós-parto - contou.

Monique, que já é mãe de um menino de 1 ano, conta que está ansiosa para ir para casa. Segundo ela, a família está contando os dias para a chegada da caçula.

- Quero ir para casa e aproveitar a minha princesa e o meu príncipe, Nícolas. Todos aguardam a nossa chegada - disse.

De acordo com a Secretaria municipal de Saúde, Monique Rafaela e a pequena Nicole passam bem e devem ter alta ainda hoje.


Jovem que deu à luz na estação de trem tenta encontrar homem que a ajudou no parto

Fonte: Extra