Mãe de bebê que morreu trancado em carro será transferida

Mãe de bebê que morreu trancado em carro será transferida

No dia da morte da criança, o pai mandou uma mensagem por celular dizendo que a mãe conseguiu o que queria.

A mãe do bebê de um ano que foi encontrado morto dentro de um carro em Aparecida de Goiânia (GO) deve ser transferida, nesta sexta-feira (30), para a Casa de Prisão Provisória de Aparecida de Goiânia. Ela esta no 5°Distrito Policial da cidade desde o dia em que o corpo do menino foi encontrado.

Na quinta-feira (29), a delegada Myrian Vidal, responsável pelas investigações do caso, foi até o presídio onde o pai da criança cumpre pena por tráfico de drogas para ouvir o depoimento dele.

No dia da morte da criança, o pai mandou uma mensagem por celular dizendo que a mãe conseguiu o que queria. O homem, que disputava a guarda do bebê, disse que a mulher já havia tentado matar o menino antes, afogado em uma banheira.

A delegada disse acreditar que a mãe não deixou o bebê tanto tempo no carro "por esquecimento", como afirmou à polícia. Na avaliação de Myrian, a mãe assumiu o risco de morte do filho quando trancou o carro e decidiu ir dormir.

Uma vizinha e testemunha do caso também contou à polícia que já viu a mulher agredindo a criança. Ela contou ainda que a mulher teria feito seis abortos e que dizia que não tinha nascido para ser mãe.

Fonte: r7