Mãe de cantor sertanejo morta era ameaçada por ex, diz vizinha

Eva Bernardes é mãe de Adriano, autor do sucesso "Hoje a Jiripoca Vai Piá".

A aposentada Eva Bernardes, mãe do cantor sertanejo Adriano, estava sendo ameaçada pelo ex-namorado, segundo informações de uma vizinha. ?Ele falou que viria matá-la. As coisas que eu escutei ele falar pra ela no telefone não eram normais?, conta a amiga, que não quis se identificar.


Mãe de cantor sertanejo morta era ameaçada por ex, diz vizinha

Eva Bernardes, de 66 anos, foi encontrada morta, com sinais de espancamento, por volta das 15h de sábado (16), dentro da própria casa, no Setor Pedro Ludovico, em Goiânia. O corpo dela foi enterrado no Cemitério Jardim da Paz, em Aparecida de Goiânia, na manhã de domingo (17).

De acordo com a Polícia Militar, o namorado de Eva é o principal suspeito de ter cometido o crime, pois foi encontrado um documento dele ao lado do corpo da vítima. Ele está foragido. "Estamos empenhados nas buscas, possuímos dados e algumas pistas. Estamos no encalço dele", ressaltou a tenente Dayanna Souza. O caso está sendo investigado pela Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), de Goiânia.

Os vizinhos contaram que ouviram um som muito alto vindo de dentro da casa durante a madrugada de sábado. Para os policiais, o barulho pode ter sido proposital, para evitar que qualquer pedido de socorro da vítima fosse ouvido.

Geovanny Bernardes de Sousa, conhecido como Adriano, estava em São Paulo quando recebeu a notícia, mas retornou a Goiânia. No dia do crime, ele faria um show com o parceiro, André, na cidade de Bebedouro (SP), mas cancelou a apresentação.

André e Adriano tornaram-se conhecidos em 1999, quando lançaram a canção "A Jiripoca Vai Piá", composta pelo filho da vítima. A música foi regravada por diversos artistas nacionais, entre eles o cantor Daniel.

Fonte: G1