Mãe da Madeleine viaja para conferir julgamento de ex-inspetor

Mãe da Madeleine viaja para conferir julgamento de ex-inspetor

Família McCann reclama 1,2 milhão de euros a Gonçalo Amaral. Ex-inspetor defende a tese de morte acidental da menina e acusa os pais.

Kate McCann, mãe da pequena Maddie, desaparecida em 2007 em Portugal, estava em Lisboa nesta quinta-feira (12) para acompanhar o julgamento por difamação contra Gonçalo Amaral, ex-inspetor responsável pela investigação e autor de um livro sobre o caso.

A família McCann reclama 1,2 milhão de euros a Gonçalo Amaral, que escreveu o livro "Maddie, a investigação proibida", no qual defende a tese de uma morte acidental da menina e acusa os pais.

Madeleine McCann desapareceu em 3 de maio de 2007, poucos dias antes de completar quatro anos, em um hotel de Praia da Luz, em Algarve (Portugal), uma noite na qual os pais haviam saído para jantar e deixaram os três filhos dormindo sem supervisão de um adulto.

Fonte: G1