Dois terços das vagas do Sisu estão no Nordeste e no Sudeste

Veja no mapa onde estão as mais de 129 mil vagas do Sisu. Sisu abre inscrições para universidades federais nesta segunda-feira (7)

As vagas do Sistema de Seleção Unificado (Sisu) do primeiro semestre de 2013, que será aberto para inscrições dos candidatos nesta segunda-feira (7), estão concentradas, mais uma vez, nas regiões Nordeste e Sudeste. Levantamento feito com base nos dados divulgados pelo Ministério da Educação em 28 de dezembro, quando o sistema foi aberto para consulta, mostra que as duas regiões somam cerca de 68% do total de vagas oferecidas nas universidades federais e nos institutos federais de ensino superior.


Mais de dois terços das vagas do Sisu estão no Nordeste e no Sudeste

(Fonte: G1)

Em comunicado divulgado no dia 28, o MEC afirmou que o Sisu vai oferecer, no processo seletivo deste semestre, 129.279 vagas em 3.751 cursos de 101 instituições públicas de ensino superior, tanto federais quanto estaduais. As inscrições deverão ser feitas no site do Sisu de segunda (7) até sexta-feira (11).

A participação das universidades, institutos e centros de ensino tecnológico é facultativa e, segundo a assessoria de imprensa do ministério, elas podem aderir e alterar o número de vagas oferecidas até a abertura das inscrições.

Entre 2012 e 2013, o número de vagas aumentou em termos absolutos em todas as regiões, mas a participação de cada uma na porcentagem total variou pouco. O Nordeste aumentou timidamente sua participação no total de vagas de quase 35% para mais de 36% e segue como a região com o maior oferta aos estudantes.

Mas o maior avanço foi na Região Norte, que ainda tem o menor número de vagas, mas viu o volume aumentar em cerca de 45%, de cerca de 5.200 para mais de 7.600. Boa parte das novas vagas vêm da Universidade Federal do Acre (Ufac), que em 2012 não participou do Sisu, e em 2013 oferecerá cerca de mil vagas em 21 cursos.

Já o Sudeste viu sua porcentagem cair de 33% para 32%, assim como a Região Sul, que somava cerca de 14% no ano passado e neste ano responde por cerca de 13% das vagas. A Região Centro-Oeste manteve sua participação em cerca de 12%.

Modalidades e turnos

A maioria das vagas do Sisu 2013 é para cursos de bacharelado: cerca de 2 mil dos mais de 3.700 cursos são desta modalidade. Os cursos de licenciatura passam de 1.100, e a oferta de cursos de graduação tecnológicos são cerca de 420.

Boa parte dos candidatos selecionados passará a ter aulas em período integral, turno oferecido em cerca de 1.400 cursos. O segundo turno mais comum é o noturno, caso de cerca de 1.300 cursos. Outros 500 cursos têm aulas apenas pela manhã, e 360 no horário vespertino.

O Sisu seleciona estudantes com base na nota do Ensino Nacional do Ensino Médio (Enem). O processo seletivo é feito exclusivamente por meio da internet e inclui, além das instituições federais, universidades mantidas por governos estaduais. Neste ano, participam, entre outras, a Universidade Estadual do Piauí (Uespi), com vagas em 119 cursos, que aderiu ao sistema pela primeira vez, e universidades baianas como a Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), a Estadual de Santa Cruz (Uesc) e a Universidade do Estado da Bahia (Uneb). Juntas, elas somam 169 cursos e cerca de 3 mil vagas.

Somente poderá se inscrever no processo seletivo do Sisu referente à primeira edição de 2013 o estudante que tenha participado da edição do Enem e que, cumulativamente, tenha obtido nota acima de zero na prova de redação, conforme disposto na Portaria MEC nº 391, de 7 de fevereiro de 2002.

O estudante poderá se inscrever no processo seletivo do Sisu em até duas opções de vaga. Ao se inscrever no processo seletivo do Sisu, o estudante deverá especificar em ordem de preferência, as suas opções de vaga em instituição, local de oferta, curso, turno.

Fonte: G1