Maré sobe devido a superlua e causa prejuízos em São Luis

Os comerciantes e moradores da região estão com medo.

Todo mundo que viu a superlua no fim de semana se encantou com a beleza dela. E foi a primeira do ano. Mas, na região metropolitana de São Luís, a maré subiu muito. E provocou prejuízo.  A força da maré invadiu o calçadão e chegou até a avenida na ponta da areia. Em um dos pontos, a contenção foi destruída e o poste derrubado. Um outro poste que mantém uma câmera da Secretaria de Segurança teve que ser amarrado em um caminhão.

O dono de um dos bares que fica na beira da praia já conta os seus prejuízos. “É prejuízo em cima de prejuízo  e eu só ainda não morri porque não tenho problema de coração porque senão eu já tinha morrido”, relatou ele.

Image title

Image title

Um morador do local de vários anos identificado como Antônio teve que reforçar toda a frente da casa para que não fosse derrubada mais uma vez, enquanto isso, aguarda uma alternativa. “É esperar, ver o que o governo vai fazer, estamos brigando com esse mar há mais de 30 anos, mas agora a maré está subindo demais”, disse.

Uma das soluções apresentadas para minimizar o problema foi a construção do chamado espigão costeiro que ainda não teve muita utilidade, mas serviu como ponto turístico da cidade já que o fenômeno chamou a atenção de quem passava pela orla e assustou quem mora ou trabalha na região. “Nós estamos desesperados sem saber o que fazer, porque nós sobrevivemos dessa barraca, se a gente não puder trabalhar como é que nós vamos sustentar a nossa família?”, declarou uma vendedora.

Esse tipo de maré alta é um fenômeno conhecido na região, mas essa foi a maré mais alta do ano, com quase sete metros de altura. Segundo especialistas, esse é o fenômeno conhecido como “Maré de Sizígia”. São Luís fica numa das regiões do planeta com maior influência dos ventos. Como a capital maranhense fica numa baía que tem a forma de funil, favorece a formação das maiores marés do país.

Image title

Image title

Image title

Image title



Fonte: Portal Meio Norte