M. Gabriela diz que Gianecchini a acalmou sobre a doença dele

M. Gabriela diz que Gianecchini a acalmou sobre a doença dele

O sucesso do programa no SBT, porém, ainda não convenceu o patrão Silvio Santos a lhe dar uma entrevista.

Marília Gabriela vai ganhar mais um programa de entrevistas. Mais um? Quase. Atualmente no ar com o "De Frente com Gabi" (SBT) e o "Marília Gabriela Entrevista" (GNT), ela estreia nesta semana o "De Frente com Gabi Quarta-Feira" no canal de Silvio Santos.

A nova edição do programa terá um diferencial: enquanto no domingo ela entrevista figuras pop, no meio da semana tratará de assuntos mais áridos.

"Domingo é um dia de lazer e já temos um público cativo", disse Marília à Folha. "Na quarta vou entrar depois do "Conexão Repórter" e aproveitar esse público que curte jornalismo."

O entretenimento dará vez a política, economia e empreendedorismo. Marília pretende entremear figuras ainda não conhecidas do grande público com personalidades como Marta Suplicy, Geraldo Alckmin e Lula.

"Não tenho a pretensão de ter a audiência de domingo, mas quero criar um nicho em que as pessoas saibam que vão ver histórias de vida interessantes", contou.

Na estreia, o convidado será Andrés Sanches, presidente do Corinthians. Ainda nesta semana, grava entrevista com o chef David Hertz, que forma cozinheiros pela ONG Gastromotiva.

Ao anunciar que deixaria o "Roda Viva" (Cultura), em agosto, Marília já sabia que teria mais um dia no ar no SBT. Por isso não renovou seu contrato por lá. "Saí numa boa da Cultura", disse ela.

No GNT, porém, ela fica. "Continuo lá, claro! Estou há 15 anos, gosto de fazer, sei como é e tenho uma relação muito boa no canal."

O sucesso do programa no SBT, porém, ainda não convenceu o patrão Silvio Santos a lhe dar uma entrevista. Ela conta que já tentou --e bastante. Uma das tentativas foi durante a festa de 30 anos do SBT, no Guarujá.

"Entrevistei a Daniela [Beyruti, filha de Silvio Santos] e foi muito bom. No final, brinquei com o Silvio, pedi para ele responder três perguntinhas. Desci na plateia e ele tirou o microfone da minha mão. Disse que ia responder algumas perguntas, mas não as minhas, porque eu era profissional."

Ela conta que a relação deles é muito boa. "Na festa do SBT eu brinquei que a única coisa tropical ali era o Silvio, que estava de bermuda e camisa florida." Ainda assim, nada de entrevista exclusiva.

"Ele não quer falar, e eu entendo, porque ele nunca deu entrevista para ninguém na TV. Se abrir uma exceção, vai ficar muito mal com todo mundo", explicou. "É que nem o Roberto Carlos, já desisti. Ele não quer me dar entrevista, então também não quero mais!" O cantor deu entrevista a Jô Soares (Globo), que foi ao ar na última sexta.

À Folha Marília falou pela primeira vez sobre a doença de Reynaldo Gianecchini, seu ex-marido, que descobriu ter um linfoma não Hodgkin --um tumor que atinge os gânglios linfáticos. "Recebi a notícia com muita tristeza e apreensão, mas ele é uma pessoa muito forte."

Ela disse que eles se falam sempre, almoçam juntos e que ele a acalmou.

"Fico cuidadosa, amo ele em profundidade. Estou sempre com ele e gosto do que eu estou vendo."

Marília contou que o ator está reagindo bem ao tratamento. "Giane tem confiança e espiritualidade. Acho que isso, nessa situação, é um grande passo para a recuperação."

Fonte: UOL