MDS destina recurso para assistência social em Teresina

Com recursos serão instalados mais três Centros de Referência Especializados de Assistência Social

A Prefeitura de Teresina recebeu recursos do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) para a instalação de mais três Centros de Referência Especializados de Assistência Social (CREAS) na cidade. Estes centros são unidades de serviços de proteção social de média complexidade, que atendem famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social.

Silvana Bacelar, gerente de proteção social especial da Secretaria Municipal do Trabalho Cidadania e Assistência Social (SEMTCAS), afirma que o atendimento vai ser intensificado. ?Nosso trabalho já era realizado e atendia a grande Teresina, mas teremos nossa cobertura ampliada com mais três CREAS e ainda teremos o CREAS Pop, um centro mais voltado a população de rua?, explica.

O CREAS visando uma melhor cobertura de seus serviços realiza o Serviço Especializado de Abordagem Social (SEAS) que propõem inserção e busca ativa das pessoas com direitos violados.

A prefeitura já chamou profissionais habilitados por concurso para atuar e até dezembro eles terão uma capacitação especifica na área de atuação. Os profissionais dos CREAS trabalham para o fortalecimento dos vínculos familiares, para incluir as famílias na rede de proteção social e nos serviços públicos e para romper o ciclo de violência no interior da família.

A Secretária Municipal da Assistência Social, Graça Amorim, afirma que a situação de risco pessoal e social das famílias é minimizada com a presença desses centros e profissionais especializados. ?Casos específicos como o de trabalho infantil, dos usuários de substâncias psicoativas e de exploração sexual, precisam de atendimento personalizado e continuado. Isso é oferecido no CREAS com profissionais que atuam realizando inicialmente, a escuta qualificada e, em seguida, faz o encaminhamento para a rede de proteção social, garantindo seus direitos?, frisa.

Fonte: PMT