MEC libera lista de aprovados no Sisu pelo site do sistema

Mais de 1,8 milhão de estudantes se inscreveram no Sisu em 2013.

O MEC (Minsitério da Educação) liberou a consulta dos resultados do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) pelo site do sistema na manhã desta segunda (14). Pelo menos desde 6h30 da manhã, os inscritos já podiam verificar se foram aprovados nas instituições em que estavam inscritos. A seleção é feita com base no desempenho do Enem (Exame Nacioonal do Ensino Médio).

Mais de 1,8 milhão de estudantes se inscreveram no Sisu em 2013, superando o recorde do ano passado.

No começo da madrugada, havia sido liberada a consulta por telefone. Desde à 0h, a consulta dos resultados pode ser feita por telefone, por meio do 0800 61 61 61, o número da Central de Atendimento do MEC. O candidato precisa ouvir a gravação telefônica e depois selecionar as opções "3", em seguida "3", e depois "1". Só são aceitas ligações feitas a partir de telefones fixos.

Foram colocadas em disputa no sistema 129.319 vagas em 3.752 cursos de 101 instituições de ensino superior ? entre elas a maioria das universidades federais. Os estudantes selecionados deverão realizar a matrícula na própria faculdade nos dias 18, 21 e 22 de janeiro.

Quem não foi classificado em nenhuma das duas opções de curso escolhidas no momento da inscrição deve aguardar a segunda chamada, programada para o dia 28 de janeiro, com matrículas nos dias 1º, 4 e 5 de fevereiro.

Os candidatos aprovados para sua segunda opção de curso, mesmo que cheguem a realizar matrícula, continuam concorrendo à vaga apontada como a primeira escolha. Ou seja, se houver desistência de um candidato mais bem pontuado, o estudante poderá optar pelo curso preferido, o que implica no cancelamento da primeira matrícula.

Após a segunda chamada, as vagas remanescentes ficarão disponíveis em uma lista de espera, para a qual o estudante deverá pedir adesão no site do Sisu entre 28 de janeiro e 8 de fevereiro. O candidato só pode manifestar interesse na lista de espera para a vaga escolhida como primeira opção. Isso vale mesmo para estudantes que já tenham efetuado matrícula no segundo curso escolhido.

Fonte: UOL