MEC publica regras para nova edição do Sisu

Sistema de seleção para federais via Enem será entre os dias 10 e 14 de junho

O MEC (Ministério da Educação) publicou nesta terça-feira (18) no Diário Oficial da União as novas regras do Sisu, o sistema que usa as notas do Enem para selecionar alunos para universidades federais. As mudanças já haviam sido anunciadas na última semana.

Na nova edição do Sisu, que será entre os dias 10 e 14 de junho, o estudante poderá escolher duas opções de vaga em instituição, curso, turno e modalidade. Ele poderá mudar sua opção enquanto as inscrições estiverem abertas.

Ao final do prazo, o sistema classificará os candidatos em ordem decrescente das notas nas opções escolhidas.

O estudante que não for selecionado entrará para uma lista de espera. Para isso, será preciso confirmar interesse pela vaga.

Caso o candidato seja selecionado na sua primeira opção de vaga, ele não participará das chamadas seguintes do processo seletivo do Sisu nem da lista de espera, como ocorria antes.

Quem for aprovado na segunda opção continuará concorrendo nas demais chamadas para a sua primeira, independentemente de já ter se matriculado na faculdade.

Se o estudante tiver nota suficiente para ser classificado em duas opções de vagas, será selecionado apenas para a primeira.

Primeira edição

O Sisu começou a funcionar no começo deste ano. Foram realizadas três rodadas, mas a primeira edição com uma sobra de 7.111 vagas. De acordo com o MEC, 85% das vagas foram preenchidas: das 47.900 oferecidas, 40.789 foram ocupadas nas 51 universidades e institutos federais.

Fonte: r7