MEC renova credenciamento do Hospital Getúlio Vargas

A notícia foi comunicada através de Ofício do nº 232/2012 do Ministério da Saúde.

O diretor geral do Hospital Getúlio Vargas (HGV), Carlos Iglézias Brandão de Oliveira, anunciou que o hospital obteve do Ministério da Educação (MEC) e do Ministério da Saúde (MS) a renovação do credenciamento como hospital- ensino por mais dois anos. A notícia foi comunicada através de Ofício do nº 232/2012 do Ministério da Saúde. Segundo o documento, a Comissão de Certificação instituída por meio da Portaria Interministerial MEC/MS nº 2.758 de 23 de novembro de 2011, emitiu parecer favorável à certificação do Hospital.

Na ocasião da visita dos certificadores ao HGV, em maio, os membros da Comissão Certificadora fizeram pronunciamentos satisfatórios, ressaltando o esforço significativo na resolução dos problemas considerados graves apontados na visita anterior; bem como a efetivação das comissões, destacando o empenho do coordenador das Comissões Permanentes do HGV, Alesse Ribeiro. Ainda destacaram o papel relevante da gestão no acolhimento e cumprimento das observações realizadas durante a inspeção passada.

A comissão também se manifestou fazendo uma abordagem entre o período de 2004 a 2012, expondo a satisfação em ver um ?novo? Hospital, com a participação atuante de todos os profissionais, proporcionando uma evolução evidente, parabenizando toda a equipe. O certificador Geraldo Cury pontuou a importância do reflexo das melhorias direcionadas à população, assim como as providências adotadas no sentido de aumentar a taxa de ocupação; saudando a todos pelo empenho.

O secretário estadual da Saúde, Ernani Maia, comentou a importância do HGV para o Estado, e destacou a aquisição de modernos equipamentos e a implantação de novos serviços para alcançar resultados significativos, como o Sistema de Gestão Hospitalar, equipamentos de Microbiologia, a convocação dos profissionais aprovados no último concurso, dentre outras. Medidas estas que proporcionam um impacto positivo para o HGV e seus usuários.

O diretor do HGV, Carlos Iglézias, esclareceu que a certifcação será formalizada mediante publicação de portaria no Diário Oficial da União e terá validade por dois anos.

?As reformas, ampliações e aquisição de modernos equipamentos, além da elaboração de novos projetos, fazem parte das ações que o HGV vem adotando para reforçar cada vez mais sua certificação?, finaliza.

Fonte: Jornal Meio Norte