Menino de 4 anos morreu após uma televisão de 20 polegadas cair sobre ele na escola

O acidente aconteceu nesta quarta-feira, na Escola Municipal Jardim Kennedy, no horário de saída dos alunos.

Um menino de 4 anos morreu após uma televisão de 20 polegadas cair sobre ele, dentro da escola em que estudava, na cidade de Governador Valadares, em Minas Gerais. De acordo com a secretaria municipal de Educação, o pequeno Ryan Galvão brincava com um colega da mesma idade quando o aparelho despencou sobre eles. A principal suspeita é de que eles tenham se pendurado sobre o móvel que suportava a TV, que não resistiu e tombou.


O acidente aconteceu nesta quarta-feira, na Escola Municipal Jardim Kennedy, no horário de saída dos alunos. A mãe de Ryan, que não quis falar com a imprensa, estava no local para buscar o filho, que chegou a encontrá-la, antes de sair correndo para brincar com um amigo. Pouco tempo depois, ela escutou os gritos das crianças e correu para ver, mas a tragédia já havia acontecido.

— Foi no momento da saída, quando as professoras estão com o foco em entregar cada criança aos cuidados dos pais. O Ryan viu a mãe, foi entregue a ela e saiu correndo atrás de um colega. Eles devem ter se pendurado no móvel que faz suporte a televisão, que é antiga, muito pesada. Ao se pendurarem, o armário virou sobre eles. O grande drama nosso é como essas crianças escaparam do olhar de um adulto. Não é comum, mesmo que ela já tivesse sido entregue à mãe. Nós tínhamos de estar com os olhos sobre ela — diz o secretário de Educação de Valadares, Jaider Batista, que vai instaurar procedimento administrativo para apurar se houve alguma falha da escola.

Ryan chegou a ser atendido com vida e levado para o Hospital Municipal, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com o secretário de Educação, o menino morreu por um sangramento provocado por traumatismo abdominal, devido ao choque. O corpo dele foi levado para o Instituto Médico Legal da cidade e deve ser liberado para sepultamento ainda nesta sexta-feira. O colega de Ryan teve apenas ferimentos leves e passa bem.

De acordo com o secretário, a professora e a diretora da escola, que estavam presentes no momento do acidente, estão em choque e, assim como a família, recebem suporte psicológico da prefeitura. As aulas foram suspensas e serão retomadas na próxima segunda-feira.

Fonte: Extra