Menino que sofreu derrame antes de nascer surpreende médicos ao aprender a caminhar

Menino que sofreu derrame antes de nascer surpreende médicos ao aprender a caminhar

Enquanto sua irmã gêmea Laura nasceu saudável, Liam apresentou sangramento no lado esquerdo do cérebro.

Um menino britânico de três anos de idade que sofreu um derrame ainda no útero da mãe chocou médicos ao aprender a caminhar, falar e enxergar em tempo do seu primeiro dia na escolinha. O pequeno Liam Maule nasceu com seis semanas de antecedência, em agosto de 2009, depois de a equipe médica não encontrar mais os batimentos cardíacos do bebê.

Enquanto sua irmã gêmea Laura nasceu saudável, Liam apresentou sangramento no lado esquerdo do cérebro e foi seriamente prejudicado. De acordo com o jornal Daily Mail, o derrame poderia ter matado um adulto. A mãe das crianças, Rosie, e o pai, Jason, foram avisados de que o menino não teria um desenvolvimento normal.

Hoje, Liam acompanha sua irmã na pré-escola. "Pelo que eu sabia, eu estava carregando gêmeos saudáveis, até eu fazer um exame de rotina e não conseguirem achar os batimentos dele", conta Rosie. "Eu sabia que as crianças deveriam nascer o mais rápido possível", completa.

Após o nascimento, exames mostraram que Liam sofreu um sangramento no cérebro ainda dentro do útero cinco dias antes do parto. Os médicos lutaram para estabilizar o bebê estimulando seu sistema imunológico, mas pouco podiam fazer além de esperar e ver o que aconteceria. "Os médicos me disseram que Liam não seria capaz de andar ou enxergar", conta a mãe.

Três meses depois, Liam deixou o hospital e a partir de então seu caso só obteve progresso. "Com nove meses ele começou a enxergar sombras. Pouco depois de seu primeiro aniversário ele foi até um urso de pelúcia e o pegou", afirma Rosie. "Achei que era um milagre quando ele deu os primeiros passos em junho deste ano".

Em um dos últimos exames de rotina, quando Liam e Rosie entraram caminhando no consultório, o médico se disse surpreso e afirmou que, pelos resultados dos exames do cérebro de Liam, ele não poderia estar caminhando ou falando.

Fonte: Terra