Michael Jackson será enterrado sem cérebro nos EUA

O corpo de Michael Jackson será enterrado nesta semana sem o cérebro

O corpo de Michael Jackson será enterrado nesta semana sem o cérebro, informa o jornal The Mirror. O órgão foi retirado durante a necropsia realizada um dia após a morte do cantor, dia 25 de junho.

O exame mostrará o histórico de consumo de drogas do músico e se ele sofreu determinadas doenças. O resultado demora de quatro a seis semanas para sair. A família decidiu não esperar a conclusão e enterrá-lo sem o cérebro.

"O tecido precisa ser analisado e eu não posso te dizer quanto tempo isso vai levar", disse um legista consultado pela reportagem, que não quis se identificar.

Segundo o médico legista Dr. Cyril Wecht, o procedimento é correto. "O cérebro não pode ser devidamente analisado no momento da necropsia. Você não pode testá-lo enquanto ele está no corpo. Por isso, é necessário cortar a medula espinhal e removê-lo", explicou.

O cérebro é normalmente colocado em um recipiente plástico, com formol, em um local com ar refrigerado.

Wecht acrescenta que esse tipo de exame leva entre 17 e 18 dias para ser feito e que fica a cargo da família enterrar o cérebro após os exames ou simplesmente pedir para o laboratório incinerá-lo.

Adeus ao rei do pop

Michael Jackson sofreu uma parada cardíaca no dia 25 de junho. O músico chegou a ser conduzido ao UCLA Medical Center, em Los Angeles, mas foi declarado morto às 14h26 (18h26 em Brasília). Especula-se que o músico possa ter sofrido um enfarto em decorrência do uso excessivo de medicamentos, mas os resultados dos testes toxicológicos da necropsia realizada no corpo só devem ser divulgados em agosto. Jackson será velado no ginásio do Los Angeles Lakers na próxima terça-feira, dia 7.

Fonte: Terra, www.terra.com.br