Morador de rua fala de cão que espera por ele em hospital: "Meu único amigo"

O morador de rua, que disse viver sozinho com o cãozinho, se comoveu com a situação.

A presença de um cachorro em frente à porta de um hospital de Passo Fundo tem comovido moradores do município do Norte do Rio Grande do Sul. Há 15 dias o animal permanece no mesmo local, enquanto o dono, que é morador de rua, segue internado para ser submetido a uma cirurgia.

A instituição de saúde tem mais de uma entrada, mas o cachorro manteve vigilância na mesma porta. Foi por ali que ele viu o dono, o catador de materiais recicláveis Lauri da Costa, entrar. Desde então, o animal manteve a rotina de aguardar no mesmo local.

O morador de rua, que disse viver sozinho com o cãozinho, se comoveu com a situação. ?Ontem eu fui lá ver ele, tadinho?, comentou, sem conter as lágrimas. A história dos amigos começou há três anos, segundo ele. Costa encontrou o cachorro abandonado. O baixo peso do animal lhe rendeu o apelido: Seco.

?Comecei tratar bem, brincar com ele e virou o que virou. É a (amizade) maior que já tive na minha vida. Não tem explicação?, contou. O sem-teto ainda se recupera da cirurgia mas teve um breve encontro com o animal neste final de semana, que foi registrado pela câmera de um dos médicos.

?Acabou mobilizando a todos. A gente leva comida, ração?, disse a médica Ana Paulo Aveiro. ?O amor que ele tem pelo dono, o jeito que ele fica ali, naquele sentimento. É lindo, é inexplicável?, comentou a merendeira Denizete Koller.

Fonte: G1