Moradores da Santa Maria da Codipi sofrem com violência e sujeira

Moradores da Santa Maria da Codipi sofrem com violência e sujeira

Má qualidade da água, constantes assaltos e outros problemas atormentam a população que vive sem o mínimo de estrutura no bairro.

Vários problemas tornam complicada a vida dos moradores da Santa Maria da Codipi. Os moradores reclamam que falta segurança, falta estrutura, falta limpeza e um pouco de tudo. A primeira reclamação da população é com relação à qualidade da água. A maioria da população ainda tem que recorrer a poços para ter acesso à água.

?A água aqui não tem qualidade, aqui a água é só de poço. E ainda não tem qualidade, as crianças aqui estão todas cheias de mancha, tudo é verme e pega da água?, reclama uma moradora.


Moradores da Santa Maria da Codipi sofrem com violência e sujeira

A insegurança também abala os moradores e mesmo com um Distrito próprio os assaltos são comuns. Nem a igreja, que está toda gradeada, escapa da ação dos bandidos e ladrões. Dona Raimunda conta que é vítima frequente de assaltos.

?Está só com quinze dias que chegaram aqui para me assaltar, pedindo tudo que eu tinha e meu dinheiro e disse espera aí. Graças a Deus o RONE estava passando bem na hora e eu gritei e eles ficaram com medo e fugiram correndo e eles pegaram ele, mas aqui é perigoso. Depois de 12h aqui é muito perigoso?, conta a aposentada.

Boa parte da população depende das vans para se locomover. Na Avenida Sérgio Mota não há redutores e nem lombadas e por isso registra um alto índice de acidentes. Uma vez eu vinha com meu filho e ia morrendo eu e ele porque vinha um carro em alta velocidade?, conta um morador do bairro.


Moradores da Santa Maria da Codipi sofrem com violência e sujeira

A sujeira se acumula nas calçadas, no meio da rua e no entorno das praças e os moradores reclamam que falta a coleta. Essas dificuldades tem revoltado a população do bairro.

Fonte: Marcilany Rodrigues