Moradores sofrem com mau cheiro de galeria na zona Leste de Teresina

Moradores sofrem com mau cheiro de galeria na zona Leste de Teresina

O problema do mau cheiro inicia na avenida Zequinha Freire e percorre toda a região do bairro. Moradores alegam que a situação ocorre há dez anos e querem uma solução

Os moradores do bairro Vila Uruguai, zona Leste de Teresina, convivem há cerca de 10 anos com o mau cheiro provocado por uma galeria a céu aberto que inicia na avenida Zequinha Freire e percorre toda a região. Segundo os moradores do entorno, o odor forte é provocado por uma empresa de laticínios, que supostamente joga restos da produção na galeria, visto que a coloração do esgoto é esbranquiçada e chega a formar nata na superfície.

O mau cheiro é tão forte que é sentido antes mesmo de chegar dentro do bairro. Além disso, os grotões atraem moscas, ratos, baratas e outras pragas que podem provocar doenças. Os moradores denunciam, ainda, que muitas crianças e adultos acabam contraindo doenças e verminoses por estarem em contato direto com a água podre que emana de praticamente todo o bairro, onde muitas vezes chega até as ruas, principalmente na época das chuvas.

O comerciante Raimundo Martins Bezerra é um dos mais prejudicados com a situação. Ele e sua esposa trabalham com a produção e venda de refeições, e ele garante que é um verdadeiro martírio: “Aqui é terrível, principalmente para a gente que trabalha com comida. Todo mundo que chega e não conhece pergunta logo se tem algum criatório de porco aqui perto, porque é demais”, relata.

Raimundo denuncia que o mau cheiro exalado pela galeria é de responsabilidade da empresa que fabrica laticínios.

De acordo com o morador, a empresa joga restos da produção na galeria: “Esgoto todo mundo sabe que fede, mas eu tenho certeza que o que faz piorar é a empresa de fazer iogurte, ali da avenida. Eles jogam tipo um leite, que vem descendo e apodrece”, reclama o morador.

Raimundo e José Osmar do Santos, que também moram na região, garantiram que se não tomarem providências a população vai resolver o problema com as próprias mãos: “Estamos planejando comprar meia carrada de areia, um metro de seixo e fazer um concreto aqui para entupir a galeria pra ver se alguém toma uma providência. Vamos fazer isso nem que eu tenha que comprar cinco sacos de cimento”, garante o comerciante.

Empresa nega que joga leite na galeria

Contradizendo os moradores, a empresa afirma que possui todas as licenças ambientais em dia, e que a empresa está completamente regular. De acordo com Sebastião Alves, administrador da fábrica de laticínios, é realizado um tratamento dos líquidos antes do descarte: “Do lado de fora da empresa dá para ver as caixas de tratamento, quando vai para a galeria, a água vai tratada. Nós não jogamos leite na galeria de jeito nenhum”, declara.

Já a SDU/Leste, por meio do gerente de serviços urbanos Marcos Almeida, garantiu que uma equipe será encaminhada ao bairro Vila Uruguai para averiguar a situação. Segundo Marcos, as medidas cabíveis serão tomadas assim que for identificada a raiz do problema e o que ocasiona mau cheiro que incomoda tanto os moradores da Vila Uruguai.


Clique e curta o Portal Meio Norte no Facebook

Fonte: Lucrécio Arrais